sexta-feira, 20 de julho de 2012

Dicas culturais para o seu final de semana


Do site da Pinacoteca

São Paulo, um olhar de imigrantes


A Pinacoteca do Estado de São Paulo apresenta a exposição "São Paulo, um olhar de imigrantes". Com cerca de 30 obras (1893 – 1980), entre pinturas, gravuras, desenhos e fotografias, que apresentam São Paulo sob o olhar dos artistas imigrantes que chegaram à cidade no começo do século XIX. 

Entre os destaques da mostra estão Draga, 1951, Massao Okinaka, Viaduto Santo Antonio, 1951, Takeshi Suzuki, Paisagem da Vila Sonia, 1947. Tomoo Handa, Esquina do Anhangabaú, Jorge Mori, 1932, São Paulo, Centro, 1956, Maria Bonomi, Rua Apa,1944, Mick Carnicelli, Centro de São Paulo, 1940, Ottone Zorlini, entre outros. 


A Pinacoteca do Estado de São Paulo fica na Praça da Luz, no Centro. Para mais informações acesse o site http://www.pinacoteca.org.br.

“Paraisópolis – Uma Cidade dentro da Outra”*

Localizada no bairro do Morumbi, com população estimada em 120 mil pessoas, “Paraisópolis – Uma Cidade dentro da Outra” é o tema da exposição itinerante da fotógrafa Renata Castello Branco.

A mostra, que reúne 90 registros fotográficos do interior das casas da segunda maior comunidade de São Paulo, fica em cartaz no Sesc Pompeia, entre os dias 6 de junho e 29 de julho, com entrada gratuita.

A abertura da exposição conta também com o lançamento de um livro com 88 moradias escolhidas para a confecção do trabalho. Ao final da mostra, o público pode conferir depoimentos em vídeo de moradores e da equipe do projeto.

O SESC Pompeia fica na Rua Rua Clélia, 93 – Pompeia, telefone (11) 3871-7700. O funcionamento é de terça a Sábados das 09h30 às 21h e aos domingos das 10h às 20h.


Foto: B. Dias
Catavento recebe acervo do Museu da Tecnologia de São Paulo*

O Catavento Cultural e Educacional recebe o acervo do Museu da Tecnologia de São Paulo. No total são 36 equipamentos expostos na área externa do Palácio das Indústrias e em quatro áreas do Catavento (Auditório, Astronomia, Engenho e Educação).


Na parte externa estão os equipamentos de grande porte como, por exemplo, a locomotiva Dübs (fabricada em 1888 na Inglaterra, ela pertenceu à Cia. Paulista de Estradas de Ferro e foi usada brevemente para o transporte de carga) e a Roda Pelton (com 21 conchas de aço e pesando aproximadamente 22 toneladas, é uma turbina hidráulica construída para funcionar em desníveis de água de 1.000 metros de altura ou mais).

Outro equipamento em destaque é o avião DC-3 (1936), que foi utilizado como cargueiro militar na Segunda Guerra Mundial. Ao final da guerra, foi adquirido pela VASP e adaptado para a versão civil, permitindo o transporte de passageiros na ponte área Rio-São Paulo até 1972.


As atrações estão totalmente ligadas à história e evolução da cidade de São Paulo, como a carroça pipa com rodas de ferro, importada da cidade de Milão (Itália) na década de 1870, era utilizada na limpeza pública da cidade de São Paulo nas vias de terra, até o início do século XX.


Já os bebedouros de aço fundido, importados da Bélgica em aproximadamente 1903, eram utilizados como reservatório para fornecer água aos animais e localizavam-se em pontos de grande circulação em locais onde não havia disponibilidade de água.


A exposição está na Av. Mercúrio, s/no – Parque D. Pedro II. Mais informações sobre o Catavento Cultural e Educacional podem ser obtidas no site http://www.cataventocultural.org.br/.


Festival em Rio Claro

A 4ª Edição do Festival de Música de Inverno começa nesta sexta-feira (20) em Rio Claro (SP) e segue até o dia 9 de agosto. O abertura do evento será às 20h no Casarão da Cultura, na Avenida 3 número 568, esquina com a Rua 7, no centro da cidade. O evento começa com a inauguração de exposições e participação do Quarteto de Sopros da Banda União dos Artistas Ferroviários com street jazz, da professora de música Alvima Bortolotti Calenda tocando acordeom e da Banda Edu Barsotti e Trio Ventura, de Campinas, executando Jazz, Bossa e MPB com os músicos Eduardo Barsotti (bateria), Bruno Buzzo (baixo acústico), Janice Pezoa (piano) e Flávio Corelow (saxofone).


O festival é uma realização da Prefeitura por intermédio da Secretaria de Cultura em parceria com a Orquestra Filarmônica de Rio Claro, e conta com o apoio da Secretaria Municipal de Turismo, do projeto Música em Cena e das empresas BetaPlan, Conexões de Idéias, Fricock, Harpex, Jog Music, Loc-Tok, MundoColor e Outras Histórias Discos e Livros.


Confira a programação no Portal G1.


Do site da Prefeitura de Sto André
Humor no Teatro Municipal de Santo André

Criado, produzido e encenado pela Cia. Barbixas de Humor, o espetáculo “Improvável” é um projeto de humor baseado em improvisações, no qual a plateia tem fundamental importância para criação das cenas. 


O espetáculo "Improvável" está em cartaz no Teatro Municipal de Santo André, localizado na  Praça IV Centenário, s/nº – Centro – Santo André. Telefone (11) 4433-0789. Confira mais informações no site da Prefeitura de Santo André.


Outras dicas podem ser encontradas no site da Secretaria do Estado da Cultura e no blog Um Instante na Biblioteca.