quarta-feira, 8 de maio de 2013

Celulares Motorola, Nokia e Samsung são os mais reclamados no Procon-SP

Divulgação/Agência O Globo
Motorola, Nokia e Samsung foram os fabricantes de telefones móveis e smartphones com maior número de reclamações no Procon-SP em 2012. Segundo análise do órgão, os celulares ainda apresentam padrão de qualidade insatisfatório, com falhas de funcionamento e durabilidade abaixo das expectativas dos consumidores. Veja o ranking completo aqui.

Comparando-se os números do primeiro trimestre de 2013 com o mesmo período de 2012, verifica-se aumento de reclamações entre as maiores marcas, com a Motorola permanecendo na liderança com elevação de 16% no número de reclamações, passou de 202 para 234; a Samsung, que aparece na segunda posição do ranking trimestral, teve um aumento de 69% no número de queixas em comparação ao mesmo período de 2012, de 129 para 218. Veja o quadro comparativo aqui.

Ranking das Operadoras

A TIM teve, em 2012, um crescimento na sua base de acessos de 16% (segundo a Anatel), enquanto suas reclamações no Procon cresceram 46%. Mesmo as operadoras que reduziram a quantidade de linhas (acessos), como Claro e Oi, apresentaram incremento nas reclamações no Procon-SP em 2012: Claro, aumento de 14% e Oi, de 17%. Veja o ranking completo aqui.

No primeiro trimestre de 2013 problemas permanecem os mesmo, quando comparados com o mesmo período do ano passado. O Procon-SP também constatou aumento de 32% nas reclamações. Confira o comparativo aqui.

Procon Responde: telefonia

O setor de telefonia está  entre os líderes de reclamações no Procon-SP e além dos problemas, muitos consumidores possuem dúvidas em relação aos seus direitos e os deveres das empresas. Confira as perguntas mais frequentes em nosso blog e nas redes sociais, e suas respectivas respostas, aqui.

*É permitido o uso deste material, desde que citada a fonte

Da Assessoria de Comunicação Social da Fundação Procon-SP