terça-feira, 21 de maio de 2013

Procon-SP alerta! É preciso ficar atento aos defeitos de móveis leiloados

Leilões pela internet em que são negociados móveis e objetos de decoração se enquadram na mesma legislação que defende os direitos do consumidor, segundo o Procon.

Patrícia Álvares Dias, assessora técnica do Procon-SP, afirma que o comprador deve estar atento à conservação dos produtos, pois os objetos podem ter sido danificados durante a exposição.

Segundo Dias, as empresas devem avisar caso o móvel tenha algum defeito. "Precisam detalhar o tipo de problema", afirma ela.

Se o produto comprado apresentar algum defeito depois do leilão, a empresa terá que solucionar em 30 dias ou devolver o dinheiro, diz a assessora.

As empresas de leilões afirmam que os compradores devem ler com atenção os editais com as regras de cada negociação antes da compra.

Nos editais, há informações sobre valores e multas em caso de desistência. Patrícia diz que, se o documento informar previamente, essa cobrança será legal.

Visita ao imóvel

Antes dos leilões, as empresas abrem períodos de visita aos apartamentos decorados, momento em que os compradores podem conferir a conservação dos objetos.

A Jucesp (Junta Comercial do Estado de São Paulo) informa que o consumidor pode procurar o órgão para saber se o leiloeiro está regular.

Fonte: Folha.com.br